camara2Para quem está achando Ricardo Piorino silencioso demais, pode descartar essa possiblidade: ele está na ativa e nos preparativos da equipe de Isael.

Entra e sai…

Segundo o blog apurou, o entra e sai em seu gabinete na Câmara está bastante intenso, principalmente frequentado por candidatos derrotados nas urnas e ex-assessores.

Um pulo no gabinete vizinho

Além da intensa agenda em seu gabinete, Piorino também tem frequentado diariamente o espaço do presidente do Legislativo, Felipe César. Conforme o blog trouxe na última coluna, o nome de FC tem ganhado força para a presidência da Câmara. O assunto entre Piorino e FC, no entanto, deve ir além das questões legislativas.

Para elucidar

Logo após a eleição, este colunista fez um artigo de avaliação sobre o resultado e uma avaliação do que Isael encontraria no Legislativo. Sobre FC, hoje no PV (partido do deputado Padre Afonso, que apoiou nominalmente Isael), o trecho escrito e que se sustenta é o seguinte: “Felipe tende a abrir ‘negociação de forças’ visando ao primeiro biênio da próxima legislatura – aí também está um nome no qual o prefeito eleito pode encontrar margem para diálogo. Isael terá alguns espaços na máquina para tentar atrair parte do PV – o fisiologismo pode ir ao cardápio central (fiquemos de olho).”

Um nome “certo”

Hoje assessor de Felipe César, Paulo Ramos Mello é dado como certo na prefeitura. Ele voltaria para o cargo de Ouvidor, substituindo Jairão. Paulo ocupou a mesma função no segundo mandato de João Ribeiro. O nome de Paulo já tem as “bênçãos” do deputado Estadual Padre Afonso.

E tem mais

Quem também esteve recentemente no gabinete de Felipe César foi o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico da gestão João Ribeiro, Álvaro Staut. Próximo ao presidente da Câmara de Pinda e com boa articulação com Padre Afonso, Staut é outro nome que entra no hall de possibilidades da futura equipe de Isael.

Não descartemos

São ainda do grupo de influência do Padre Afonso, o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico de Pinda e vice na chapa de Pollyana Gama em Taubaté, Rubens Fernandes, e o vice na chapa de José Saud também em Taubaté, o cirurgião plástico João Menezes

Isael intensifica agenda

Depois de quase um mês de silêncio, o prefeito eleito Isael Domingues voltou a acelerar sua agenda de compromissos, tornando-os público, inclusive. Em sua página oficial no Facebook, trouxe a participação no evento de novos prefeitos em Brasília e encontros em São Paulo, como com o presidente da FIESP, Paulo Skaf.

Política de lado…

Interessante recordar que Skaf apoiou a reeleição de Vito Ardito Lerário, com direito a vídeo ao lado do tucano. Skaf também foi o responsável por neutralizar Paulo Sérgio Torino no pleito eleitoral deste ano. Torino chegou a tirar foto ao lado do ainda pré-candidato Luis Rosas, mas quando a eleição se aproximou disse a pessoas próximas: “Vou ficar um tempo afastado da política”. E ficou.

Sérgio Cursino e o meio de campo

Como abordado na última coluna, o jornalista Sérgio Cursino está a caminho da futura administração. No whatsapp, Sérgio criou um grupo chamado “Comunicação Pinda”, reunindo diversos jornalistas e representantes da imprensa da cidade, e se apresentou como o futuro “gestor de Comunicação” de Isael.

Sobre o anúncio

No grupo, Sérgio afirmou que o nome dele será anunciado junto com os demais, em uma entrevista coletiva, já conforme orientação do próprio profissional com foco na democratização da informação.

Finale: Desserviço

Nesta segunda-feira (14), a TV Cultura exibiu uma entrevista com o presidente Michel Temer, gravada em Brasília. Um vídeo de bastidores, gravado pela própria emissora, mostra o tom amistoso e propagandista do momento. Abaixo, o blog separou algumas frases que dão o tom da pajelança midiática em torno do governo:

“Eu pude em uma hora e meia falar o que o governo está fazendo, os principais temas. Aproveito e cumprimento vocês [da Cultura] por mais essa propaganda.” Michel Temer (presidente)

“Mostramos que o presidente é um homem como todas as outras pessoas. Por trás do cargo é um homem que tem as suas emoções, seus sentimentos. Acho que o resultado da entrevista foi excelente.” Carlos Taquari (editor-chefe do Roda Viva)

“Cá para nós, bem baixinho, de romance o presidente entende.” Eliane Cantanhêde (Estadão)

“Um debate aberto e amplo, que permite que as pessoas se assenhorem dos pensamentos do presidente.” Marcos Mendonça (presidente da TV Cultura).

Foto: Assessoria da Câmara