>>> Pasta está desgastada e profissional vem com missão de colocar a casa em ordem

???????????????????????????????

Poucas semanas antes do vice-prefeito Isael Domingues (PV) pedir exoneração do cargo de secretário de Saúde, o prefeito Vito Ardito Lerário havia lhe passado uma missão via imprensa: arrumar a Saúde em 60 dias. Alegando falta de estrutura para trabalhar, Isael entregou o chapéu e Vito foi atrás de seu nome favorito desde o minuto um: Sandra Tutihashi.

Como publicado pelo blog em duas oportunidades, nos dias 8 (leia) e 11 de outubro (leia), Sandra aceitou o terceiro chamado de Vito. O primeiro havia ocorrido antes do início da gestão, quando Sandra optou por seguir na Diretoria Regional de Saúde e indicou para o cargo Edson Mergulhão, que foi exonerado com menos de dois meses de trabalho. O prefeito tucano foi novamente à porta de sua fiel parceira, que reafirmou o compromisso com Geraldo Alckmin até o final de 2014.

No terceiro tocar de telefone, Sandra aceitou trocar o Estado pelo município. O fato foi confirmado por Vito em entrevista ao blog e à rádio Ótima FM, em 22 de outubro (leia).

Tutihashi Iniciou oficialmente os trabalhos nesta segunda-feira, dia 4 de outubro, mas já vinha se inteirando do dia a dia da secretaria desde a saída de Isael, como também noticiado pelo blog (leia).

Está prevista para a próxima quarta-feira, dia 6, uma entrevista coletiva com a nova secretária de Saúde. Diante do caos da saúde pública, trabalho para ela, sem dúvida, não vai faltar.