>>> Prefeito eleito, Vito Ardito deve fazer convite ao vereador do PDT. Ideia é matar dois coelhos com uma só cajadada
O atual secretário de Integração e Governo, Arthur Ferreira dos Santos, deve seguir na administração municipal. Mantido no cargo pelo prefeito João Ribeiro, Arthur trabalhou “discretamente” na campanha de Vito Ardito Lerário – eleito prefeito no último dia 7 de outubro. Por isso, deve seguir no poder público.
Porém, Arthur deverá tocar alguma outra secretaria no governo tucano. Segundo informações que chegaram ao blog, Vito planeja convidar Ricardo Piorino para assumir a secretaria de Governo. Em um comparativo para exemplificação, a pasta seria o Ministério da Casa Civil no nível federal. A secretaria de governo proporciona a integração de todas as secretarias e ainda cuida da ponte entre executivo e legislativo. É o segundo maior poder abaixo do prefeito.
O convite de Vito a Piorino estaria pautado em dois objetivos. O primeiro deles seria tirar Piorino do poder legislativo. Apesar de ter sido eleito na coligação de Vito, Piorino é osso duro de roer. Para convencê-lo em determinadas votaçõestivo dtra secretá que quem assume a cadeira seria Rafael Goff, do PSDB. Da liderança jovem do tucanato, Rafael sa, é necessária muita estratégia política – Jânio Ardito que o diga. Com Piorino fora do legislativo, Vito evita desgastes desnecessário durante quatro anos, uma vez que quem assume a cadeira é Rafael Goffi, do PSDB. Da liderança jovem do tucanato, Rafael é mais “cru” na política – portanto, as “negociações” ficam mais simples.
Amanhã, o blog traz uma avaliação da atual configuração da Câmara de Vereadores para a legislatura 2013-2016.