O blog “Papo Sem Censura” noticiou nesta quinta-feira, dia 1º de março, a decisão da justiça sobre a paralisação da Comissão Processante (CP)contra o prefeito João Ribeiro e a vice-prefeita Myriam Alckmin. A Comissão foi aberta após a leitura do relatório final da Comissão Especial de Inquérito sobre o caso da Verdurama e a denúncia, feita pelo parlamentar José Carlos Gomes “Cal”.

Como apontado pelo blog, a liminar da justiça foi baseado em um erro cometido na formação dos membros da comissão, que deveriam ter sido escolhidos por voto e não por espontaneidade dos parlamentares em participar.

Em rápida conversa com uma pessoa ligada ao legislativo, o blog levantou os próximos passos. Segundo o interlocutor, a Câmara irá recorrer da decisão e ainda “há fôlego” para retomar os trabalhos da CP. Porém, em último caso, “será feita nova denúncia e composto novamente os membros da comissão”. Resumindo, em último caso tudo pode começar do zero. Do início da Comissão Processante, não da Comissão Especial de Inquérito, como ocorreu na primeira oportunidade.