Vice-prefeita na segunda gestão de João Ribeiro e pré-candidata do PPS para disputar o cargo de chefe do executivo neste ano, Myriam Alckmin arriscou colocar em vitrine sua popularidade durante o carnaval. Subiu ao palco na terça-feira, durante a apresentação da bateria da Mangueira na Avenida do Samba.

Diferentemente do seu comportamento habitual, a ex-tucana falou pouco e deixou o palco depois de receber vaias do público presente.

A falta de popularidade da atual gestão é uma realidade conhecida por todas. Assim como errou na estratégia ao bater de frente com Vito Ardito Lerário em 2010, Myriam segue buscando caminhos tortuosos. Apostar ser vitrine neste momento está longe de ser uma medida das mais inteligentes.

Bastidores

Durante as noites de carnaval, também foi possível ver uma forte proximidade do prefeito João Ribeiro e do vereador e pré-candidato a prefeito pelo PV, Isael Domingues. É verdade que o presidente do partido, José Mayer, é esposo da diretora de Cultura da atual gestão, Nilza – o que justificaria toda “trupe” verde no palanque. Porém, não é de hoje que o blog “Papo sem Censura” traz que, nos bastidores, o atual prefeito sempre defendeu uma chapa com Isael nas eleiçõesmunicipais deste ano.