Desde o último dia 21 até hoje, dia 31 de dezembro de 2011, estou curtindo como se fossem os últimos. Afinal, segundo as profecias, em 21 de dezembro de 2012 será o fim do mundo. Para alguns uma nova Era. Para outros o início de um ciclo. E tem outros que, apesar de entrarem na onda do falatório, encaram o 21 de dezembro do ano que se inicia como apenas mais um dia – nesta última categoria que estou encaixado.

Acredito, no entanto, nos que dizem que 2012 será o ano das definições. Definições de valores, de crenças… Ano em que as relações baseadas em verdades se sustentarão. As amparadas em falsidades e interesses, ruirão. E tudo acontecerá naturalmente. Haverá sofrimento; haverá. Mas passado o período de turbulências, restará transparência e um mar aberto para bons relacionamentos.

Há quem diga que esta fase de transformações já teve início…

Diante da teoria do fim do mundo (citada no primeiro parágrafo) e a da Era das transformações (destacada no segundo parágrafo), acredito mesmo que 2012 será um ano diferente. Assim como todos são? Talvez com uma pitada extra de acontecimentos e surpresas.

O melhor é aguardar e viver este dia 31 de dezembro de 2011 no pique do mais marcado clichê: como se fosse o último dia da sua vida.

Para encerrar, gostaria de agradecer aos internautas que fizeram o blog “Papo sem Censura” se reinventar a cada dia de 2011. O crescimento no número de visitas mostra que estamos no caminho certo e estaremos ainda mais juntos em 2012. Sempre falando dos assuntos relacionados à política e ao cotidiano de forma transparente e coerente…

Um ótimo ano para todos!