Começa dentro de instantes, às 18h, a primeira Sessão Ordinária de 2011 na Câmara de Vereadores de Pinda.

O Relatório final da CEI sobre o caso da Verdurama deverá ser votado e pedida a abertura de uma comissão processante contra o prefeito João Ribeiro. A oposição, que articula a abertura da CP, conta com seis votos e precisa de mais dois parlamentares para aprovar o relatório final.

O dia foi bastante tenso na cidade. Logo nas primeiras horas do dia, o prefeito João Ribeiro discutiu em uma rádio local com Ricardo Piorino, presidente da Câmara, e o vereador José Carlos Gomes “Cal”.

Assim como disse em entrevista ao jornal O Vale, JR reformou que a oposição tenta promover um “golpe de Estado” em Pinda para chegar ao poder.

No final da tarde, um email começou a circular na internet, com “cara” de reportagem. Eis o título: “Ricardo Piorino pode ser cassado por omissão ao Ministério Público”.

O email trata de uma possível irregularidade ocorrida no concurso público realizado pela Câmara, ainda em 2010. Segundo o artigo, o MP teria pedido a anulação das questões de informática, ponto questionado na prova, e Piorino teria negado o pedido, pois o concurso estaria dentro da Lei.

Ainda na noite de hoje, o repórter deste blog trará mais informações sobre a crise política em Pinda.