Em bate-papo com a jornalista Ligia Toledo, do Portal Agora Vale, o secretário Silvio Serrano falou pela primeira sobre o assunto.

Silvio afirma que não há nada para esconder. “Estou preparando um documento autorizando a promotoria pública para que faça um levantamento fiscal e telefônico pelo tempo que estive aqui em Pinda”, destacou. “Houve uma suspeita levantada por um sócio da empresa que fornece a merenda, que ele ouviu dizer que eu desviava recursos da empresa. Isso é uma suposição e, para que seja efetivado, tem que ter provas”.

Das 30 cidades que estão sendo investigadas no que ficou conhecido como “A Máfia da Merenda”, apenas Pinda optou pela exoneração de membros do executivo. Sobre este assunto, o ex-secretário não esconde o desconforto. “O prefeito, quando é eleito, ele tem vários cargos de confiança, que ele nomeia… E exonera quando há a quebra de confiança”, lamentou. “Sinto uma tristeza, pois viemos para Pindamonhangaba para fazer Pinda crescer – em todos esses anos que estive aqui meu objetivo foi esse”.
Na mesma entrevista, o secretário destacou o fortalecimento da economia do município.

Segundo pessoas ouvidas pelo repórter deste blog, Serrano está realmente chateado com muitas pessoas do poder executivo.